27 de abr de 2011

[Des]amor


Por onde anda o meu Desamor?
Sinto pelo seu sumiço tanta dor!
Perdi todo o raciocínio e concentração
Adquirindo sentimentos em vão.

Por onde anda O Desamor?
Aprisionado em sua jaula de concreto?
Ou seria no cárcere de seu coração?
Tão privado, um tanto discreto.

Por onde anda seu Desamor?
Jogado numa esquina ou no deserto?
Seja lá qual dos dois for
É de fumaça podre encoberto.

Por onde anda Todo o Desamor?
Soltou tantas cores de alegria
Porém desbotou tudo com suas lágrimas.
Não consigo mais... é muita agonia...

Nikku

Um comentário: